ad16
DestaquesGeralPolíticaTodas as Notícias

Vereadores da oposição votam contra projeto da minirreforma administrativa

Os vereadores da oposição, Diógenes Medeiros (PPS), Antônio Afonso (SDD), Fátima Sá (PSDB) e Rinaldinho (PSB) votaram contra o projeto de lei da minirreforma administrativa, alegando aumento no número de cargos comissionados do município.  O projeto foi votado na manhã desta quinta-feira, 23, na Câmara Municipal de Picos, em duas sessões extraordinárias tendo como resultado final 9 votos a favor, e quatro contra. O vereador Evandro Reis (PTB) não participou da  votação.

O projeto que altera a Lei 2.474/13, estabelece a extinção da Secretaria de Representação do Município de Picos na Capital do Estado, e a dissociação da Secretaria de Esporte, Lazer e Cultura. Em razão do desmembramento, duas novas secretarias devem ser formadas, a Secretaria de Cultura e a Secretaria de Esportes e Lazer. O projeto ainda prevê a criação de quatro coordenadorias, Coordenadoria Étnico Racial de Picos, Coordenadoria do Idoso de Picos, Cria a Coordenadoria da pessoa Portadora de Deficiência e a  Coordenadoria de Combate às Drogas de Picos.

Vereadores da oposição votam contra projeto da minirreforma administrativa
Vereadores da oposição votam contra projeto da minirreforma administrativa

Outra alteração proposta no projeto de lei é a transformação da Coordenadoria do Departamento Municipal de Trânsito em Secretaria Municipal de Transporte, Trânsito e Mobilidade Urbana.

A minirreforma foi bastante questionada pela oposição que avalia como um aumento de cargos. ” A Prefeitura tem em torno de 500 cargos comissionados, e com este projeto que caminha para a apreciação dos vereadores  ele aumenta para 534 cargos comissionados. Por exemplo, a Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer que na administração de Kleber Eulálio contava apenas com 19 cargos em comissão, agora com a divisão de Cultura e Esporte   aumenta mais 17 cargos”, explica vereador Rinaldinho.

Vereador Rinaldinho
Vereador Rinaldinho

Ainda segundo o vereador Rinaldinho (PSB), o município de Picos está caminhando contrário à diminuição da folha de pagamento. De acordo com ele, a situação pode se agravar ainda mais com a redução do Fundo de Participação do Município – FPM, onde várias prefeituras piauienses estão atrasando o pagamento dos funcionários.

Vereadores da oposição votam contra projeto da minirreforma administrativa
Vereadores da oposição votam contra projeto da minirreforma administrativa
Botão Voltar ao topo
Quer falar a Redação? Comece aqui

Adblock detectado

Você está usando um bloqueador de anúncios.
Publicidade