ad16
SaúdeTodas as Notícias

Veterinário alerta para perigo das viroses no período chuvoso

O período chuvoso é maravilhoso, principalmente, para quem mora no Piauí. Mas o tempo também é de se preocupar com nossos amigos de quatro patas. Com as chuvas, os cães ficam mais vulneráveis a viroses, principalmente animais filhotes e idosos.

O Bicharada conversou com o médico veterinário Tadeu Probo, especialista em clínica cirúrgica de cães e gatos, que deu dicas preciosas para proteger os pets. A primeira delas é a vacinação.

O veterinário explica que as viroses mais comuns nos bichinhos durante o período chuvoso são cinomose, parvovirose, leptospirose, parainfluenza e adenovirus, algumas delas, inclusive, podem ser fatais.

Foto: arquivo pessoal
Foto: arquivo pessoal

Para prevenir estes males, o ideal é que o animal receba pelo menos três doses da vacina. Segundo Tadeu Probo, as vacinas mais indicadas contra viroses são as importadas, cujo preço em Teresina em média é R$ 100.

“São três doses que devem ser administradas a cada 21 dias. Se o animal for muito a petshop, viagens ou hoteis o ideal é que sejam quatro doses, pois nesses ambientes eles ficam mais vulneráveis”, explica o veterinário.

Tadeu explica que as vacinas importadas têm maior eficácia frente às nacionais e por isso são recomendadas.

“Existem três laboratórios que fabricam vacinas importadas contra viroses. Elas são mais caras, porém muito eficazes. Já as doses nacionais vendidas nos balcões de pet shops, por exemplo, custam de R$ 20 a R$ 30, mas não são comparadas as vacinas éticas feitas por veterinários, no qual o animal passa por uma consulta veterinária para saber se o animal está apto a ser vacinado”, explica Probo que faz outras diferenças entre as vacinas nacionais x importadas.

“As nacionais podem ser feitas por qualquer pessoa. Já as importadas são controladas e têm critérios como serem comercializadas somente em clínicas, além de só serem fabricadas por veterinários”, esclarece o veterinário.

Ele lembra que os idosos e filhotes de até cinco meses são os mais vulneráveis a viroses e recomenda também o uso de suplementos vitamínicos para fortalecer o sistema imunológico do animal, além de uma boa alimentação. E só para não esquecer, não deixe seu bichinho na chuva.

Cidade Verde

LER MATÉRIA COMPLETA

Leia Também