ad16
DestaquesPolíciaTodas as Notícias

“Achado não é roubado”?: homem é conduzido à delegacia após se apropriar de celular alheio em Picos

A Polícia Civil de Picos, através do 2º Distrito Policial, conduziu, nesta terça-feira (30), uma pessoa à Central de Flagrantes por apropriação de um aparelho celular que esta encontrou na rua.

Segundo informações repassadas pela polícia, a pessoa, identificada apenas pelas iniciais P.A.S., encontrou o aparelho celular em um logradouro de Picos e, mesmo ciente que o objeto possuía dono, decidiu tirar o chip e pôr outros, para usá-lo.

O crime está tipificado no Artigo 169, inciso II do Código Penal.

A Polícia alerta que o ditado “achado não é roubado” é apenas “falacioso”, ou seja, enganador. “Quem acha coisa perdida e não devolve ao seu legítimo proprietário, pratica crime, consoante previsão normativa do Código Penal, que impõe pena de prisão de até um ano àquele que ‘acha coisa alheia perdida e dela se apropria, total ou parcialmente, deixando de restituí-la ao seu legítimo proprietário ou entregá-la à autoridade competente’”.

Botão Voltar ao topo
Quer falar a Redação? Comece aqui

Adblock detectado

Você está usando um bloqueador de anúncios.
Publicidade