ad16
AutoPECASonline24.pt
DestaquesPolícia

Concluído inquérito do médico picoense que matou 5 em acidente na BR 343

Marcelo foi levado quinta-feira para os Bombeiros
Marcelo foi levado quinta-feira para os Bombeiros

Concluído o processo do médico Marcelo Martins de Moura, envolvido no acidente da BR 343, em que cinco pessoas da mesma família morreram no último dia 9 de junho. Agora cabe à Justiça decidir qual o destino do médico: se será solto para responder o caso em liberdade ou se permanece preso durante as investigações.

Segundo o advogado da família em que cinco pessoas morreram, da parte da promotoria, o processo foi concluído. A fase seguinte é o encaminhamento das informações complementares da juíza Carmem Maria Paiva, da Comarca de Altos, para o desembargador Raimundo Nonato Alencar. Ele é o único que pode, neste momento, decidir pela soltura de Marcelo.

O desembargador vai voltar a analisar o pedido de liberdade feito pela defesa do médico, que completa dezesseis dias preso, sendo que está há seis dias numa ‘suíte’ do Corpo de Bombeiros. “Nesse momento o desembargador é o único que pode dar liberdade ao médico antes do processo geral terminar. Isso pode acontecer até quinta feira desta semana. Quanto aos laudos eles estarão prontos até esta quarta-feira, segudo confirma o perito Jorge”, explicou o advogado.

Portanto, como a promotora Clotildes Carvalho não apresentou a denúncia, deve-se analisar os pontos que ainda não foram analisados (como os laudos, posições dos carros durante o acidente, etc) e, caso o desembargador não dê um despacho permintindo que o médico responda o processo em liberdade, deve-se aguardar a decisão judicial até o fim do inquérito. Enquanto isso não acontece,Marcelo Martins de Moura segue recebendo apenas algumas visitas de amigos e familiares.

Com informações do 180graus.com

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Você está usando um bloqueador de anúncios.
Quer falar a Redação? Comece aqui
Publicidade