ad16
Geral

Conta de água fica 6,22% mais cara a partir do mês de abril

Falta de água
Água mais cara - Foto: Reprodução

A conta de água no Piauí ficará 6,22% mais cara a partir do mês de abril. A informação foi confirmada pela própria Agespisa, que justificou dizendo que o aumento é igual ao índice da inflação calculado pelo IPCA/IBGE (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo Especial) e que esse percentual corresponde a menos da metade do aplicado para o reajuste do salário mínimo.

De acordo com o órgão, com o reajuste a tarifa social, que beneficia mais de 35 mil famílias, vai passar de R$ 8,10 para R$ 8,60. A tarifa residencial não social, para consumo de até 10 mil litros de água por mês, vai passar de R$ 18,40 para R$ 19,60. Nesta categoria, estão 58% de todas as ligações no Piauí.

“Estabelecemos uma política de revisão tarifária de forma que nossa tarifa esteja entre as cinco mais baratas praticadas pelas 24 empresas estaduais de saneamento do país”, ressaltou o presidente da Agespisa, Raimundo Neto.

Ele explica que a cada ano o desafio é buscar o equilíbrio entre a tarifa e os custos operacionais sem elevar os preços dos serviços prestados pela companhia. “Vale ressaltar que algumas despesas crescem em percentuais bem mais elevados do que o aplicado no realinhamento da tarifa, como energia elétrica e produtos químicos”, justifica.

Raimundo Neto informa que a companhia está em franca recuperação, realizando investimentos importantes para ampliar a cobertura dos serviços de água e esgoto.

*Com informações da Agespisa

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Você está usando um bloqueador de anúncios.
Quer falar a Redação? Comece aqui
Publicidade