ad16
DestaquesPolíciaTodas as Notícias

Familiares de empresário não reconhecem suspeito de crime e ele é liberado pela polícia

Ainda conforme o delegado Rodrigo Martins, não há indícios sobre o autor do latrocínio; investigações continuam

Após ser apontado pela Polícia Militar como sendo suspeito na morte do empresário Edilson Gonçalo de Oliveira, o jovem identificado com Robinho que chegou a ser conduzido à central de flagrantes de Picos, foi liberado ainda na noite de sábado (28).

Em entrevista, o delegado Rodrigo Morais disse que Robinho não foi identificado e foi liberado pois nos procedimentos de verificação ele não foi reconhecido pelos familiares da vítima. “A PM fez seu trabalho diante de uma certa semelhança de perfil e nos trouxe alguns suspeitos. Aqui chegando nós colocamos os parentes da vítima para fazer o ato de reconhecimento e neste momento não foram reconhecidos e aí foram prontamente liberados”, comentou o delegado.

Ainda conforme o delegado Rodrigo Morais, não há indícios sobre o autor do latrocínio. “Temos diligências em andamento, sigilosas e que não podemos neste momento mostrar para os picoenses”, disse.

Ainda segundo o delegado, policiais civis e militares estão em campo em investigações a fim de solucionar o caso.

Botão Voltar ao topo
Quer falar a Redação? Comece aqui

Adblock detectado

Você está usando um bloqueador de anúncios.