ad16
GeralTodas as Notícias

Gil Paraibano assina termo de adesão ao Pacto Estadual de Combate à Homofobia

A iniciativa é uma parceria entre os governos estadual e municipal. O intuito é fortalecer as políticas públicas voltadas para o público LGBTQIA+

O prefeito Gil Marques de Medeiros assinou ontem 24, o termo pacto estadual de combate à homofobia. A iniciativa é uma parceria entre os governos estadual e municipal. O intuito é fortalecer as políticas públicas voltadas para o público LGBTQIA+.

O referido pacto, Programa de Combate à Violência e à Discriminação contra LGBTQIA+ (Lésbicas, Gays, Bissexuais, Transgêneros, Travestis, Transexuais, Queer, Intersexual, Assexual e outras orientações e expressões sexuais) busca a promoção da cidadania do LGBTQIA+, onde acontece parceria entre instituições públicas municipais e estaduais, promovendo a discussão no que tange a integridade LGBTQIA+, com ações educativas direcionadas aos Direitos Humanos.

“Esse projeto trata exclusivamente de políticas públicas que visam fortalecer enfrentamento à violência contra o público LGBTQIA+. Também visa dar oportunidade para que essa população seja reconhecida de fato pela administração pública. Por exemplo,  o público LGBTQIA+ vai poder ser reconhecido agora pelos órgãos públicos municipais pelo seu nome social, o que é muito importante”, explica Matusalém Almeida, coordenador da Juventude do município de Picos.

Na prática, o referido projeto pretende atender ao público LGBTQIA+ nas suas mais diferentes situações em que tal público venha sofrer violência de alguma natureza.

Matusalém Almeida, Gil Paraibano e Marinalva Lima- Foto: Ccom

Segundo Matusalém Almeida, a Prefeitura de Picos, por meio da Coordenadoria da Juventude, pretende criar em Picos, um centro de acolhimento multidisciplinar para tratar de algum tipo de violência voltada para o público LGBTQIA+.

“Além disso, poderemos a partir daí, realizarmos cursos de capacitação com essa população, entre outras coisas. Nossa intenção é promover os Direitos Humanos junto a esse público e para que esse público possa ser escutado de forma reservada”, comenta.

Matusalém Almeida destaca o apoio do prefeito Gil Marques de Medeiros quanto aos projetos voltados para o público LGBTQIA+, ambos expressos na Carta de Direitos Humanos.

“O prefeito Gil Paraibano sempre foi aberto às questões de Direito. Todos os nossos projetos estão sendo apresentados ao seu conhecimento e ele sempre foi muito solícito”, conclui.

Ccom PMP

Botão Voltar ao topo
Quer falar a Redação? Comece aqui

Adblock detectado

Você está usando um bloqueador de anúncios.
Publicidade