ad16
GeralTodas as Notícias

Julgamentos do TRT/PI passam a ser 100% na internet partir desta terça (1º)

A ferramenta possibilita que atos processuais sejam realizados por meio eletrônico e remoto.

O Tribunal Regional do Trabalho da 22ª Região (TRT22) implanta nesta terça-feira (1º), o “Juízo 100% Digital”. A ferramenta possibilita que atos processuais – notificações, audiências e sessões de julgamento – sejam realizados por meio eletrônico e remoto.

O “Juízo 100% Digital” é uma iniciativa do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e foi aprovado em sessão do TRT 22 com adesão formalizada por meio da Resolução Administrativa 33/2021.

“O Juízo 100% Digital será implantado em todas as unidades jurisdicionais do TRT 22. Desta forma, o cidadão terá acesso à Justiça sem precisar comparecer fisicamente aos fóruns e às unidades judiciárias do Tribunal”, explicou o juiz auxiliar da Presidência, Adriano Craveiro Neves.  
 
A adesão à modalidade será opcional, cabendo às partes e aos advogados optarem pelo Juízo 100% Digital. A escolha poderá ser feita em qualquer momento do processo antes da pronunciação da sentença.  

De acordo com a resolução aprovada, o atendimento para prestação de informações sobre processos que tramitam pelo Juízo 100% Digital será realizado de forma remota, durante o horário de expediente, por telefone, e-mail, videochamadas e pelo Balcão Virtual.  
 
“O TRT 22 já possui a grande maioria do seu acervo de processo judicial informatizado por meio do PJe, além de contar com ferramentas de atendimento remoto como o Balcão Virtual. Também estamos realizando, desde o início da pandemia, sessões e audiências no formato telepresencial. O Juízo 100% Digital é uma opção a mais que vai conferir celeridade com qualidade na prestação jurisdicional”, finalizou a desembargadora-presidente do TRT 22, Liana Ferraz de Carvalho.

Cidade Verde

Botão Voltar ao topo
Quer falar a Redação? Comece aqui

Adblock detectado

Você está usando um bloqueador de anúncios.
Publicidade