ad16
Polícia

Picos: “Acusado flertava com vigia antes de mata-lo”, diz delegado

[ad#336×280]O delegado Danúbio Dias, responsável pelo inquérito da morte do vigia Wilson Alves de Moraes, afirmou que o acusado Manoel Luís Pereira da Silva, 35 anos, conhecido como “Nego Ló”, confessou com detalhes como cometeu o crime.

“O acusado já tem passagens pela polícia por roubos e furtos. Ele contou que é homossexual e que estava flertando com o vigia. Eles se desentenderam e isso acabou resultando na morte de Wilson”, informou o delegado, por telefone, ao Notícia da Manhã desta terça-feira (30).

O vigia foi morto a pauladas na madrugada de ontem (29) na cidade de Picos. Segundo Danúbio Dias, vítima e acusado estavam bebendo em um bar e em seguida se dirigiram até a encosta de um morro localizado nas proximidades da delegacia local.

Nego Ló", confessou com detalhes como cometeu o crime.
Nego Ló”, confessou com detalhes como cometeu o crime. Foto: PM

“Lá Manoel proferiu cinco pauladas em Wilson, que veio a óbito. Depois disso ele fugiu, mas acabou confessando para algumas pessoas que cometeu o crime e que iria fugir para Valença. Nós o monitoramos e ele foi preso em seguida. Na delegacia, ele confessou tudo com detalhes”, explicou o delegado.

Fonte Cidade Verde

Botão Voltar ao topo
Quer falar a Redação? Comece aqui

Adblock detectado

Você está usando um bloqueador de anúncios.
Publicidade