ad16
AutoPECASonline24.pt
DestaquesPolíciaTodas as Notícias

Prédio da Delegacia Regional de Picos apresenta estrutura precária

[ad#336×280]A sede da 3ª Delegacia Regional de Picos dispõe de uma estrutura física precária. O problema não é novo, mas com o passar do tempo tem se agravado mais. Infiltrações nas paredes, rachaduras, vidros quebrados, são o estado atual em que se encontra o prédio. Agentes que trabalham no local têm reclamado da estrutura física.

De acordo com o delegado regional, Antônio Madson, a falta de uma estrutura física adequada do prédio é preocupante, e uma solução provável para o problema seria a construção de um novo prédio próprio do órgão.

Paredes apresentam vária rachaduras - Foto: Paula Monize
Paredes apresentam vária rachaduras – Foto: Paula Monize
Antônio Madison, delegado regional de Picos - Foto: Romário Mendes
Antônio Madison, delegado regional de Picos – Foto: Romário Mendes

“Esse prédio é alugado, não é um prédio da administração pública. O fato da estrutura já foi comunicado ao delegado geral. Quanto a esta questão, ele também tem se empenhado, mas até agora a gente não teve um retorno. A solução seria a construção de um prédio próprio do órgão, mas isto demanda licitações, requer um certo prazo”, disse o delegado.

Antônio Madson ainda ressaltou que a situação está em caráter de emergência, e que uma decisão deve ser tomada neste sentido, pois a situação problemática na parte estrutural já foi  constatada pelo Ministério Público. Ainda segundo com ele, o secretário de Segurança, Robert Rios e o delegado geral estão empenhados em resolver este problema em um curto intervalo de tempo.

Paredes com infiltrações - Foto: Paula Monize
Paredes com infiltrações – Foto: Paula Monize

Outro agravante é a falta de um pátio para que os veículos apreendidos pela polícia. A falta de um espaço amplo, propicia a aglomeração dos veículos no terreno ao lado da delegacia, onde este se deterioram rapidamente com a longa exposição ao sol e a chuva. O número de veículos só tem aumentado.

DSCN0125

 

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Você está usando um bloqueador de anúncios.
Quer falar a Redação? Comece aqui
Publicidade