ad16
Geral

Prorrogada linha de crédito para agricultores afetados pela estiagem

[ad#336×280]O Banco do Nordeste (BNB) decidiu prorrogar os prazos para o recebimento de propostas dentro da linha crédito FNE-Estiagem e para renegociação de prestações em atraso. Com as novas decisões, os produtores em débito podem procurar qualquer agência do BNB para negociar dívidas até o dia 30 de junho deste ano. Quem confirma as informações é o deputado federal Jesus Rodrigues, do Partido dos Trabalhadores no Piauí.

O parlamentar piauiense havia solicitado a prorrogação ao BNB temendo prejuízo aos pequenos produtores rurais que não conseguiram apresentar propostas até a data limite, dia 28 de fevereiro.

Agora, os agricultores familiares enquadrados no Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf), afetados pela seca, têm até o final de maio para solicitarem o crédito emergencial ao Banco do Nordeste.

Estiagem na região de Picos- Reprodução
Estiagem na região de Picos

“O Governo Federal tem contribuído para a superação das dificuldades enfrentadas pelo Nordeste e nós precisamos fazer com que essa informação chegue aos pequenos produtores para que eles tenham tempo hábil de pleitear o financiamento”, afirmou Jesus Rodrigues.

A prorrogação inclui contratos de investimento e custeio. Para agricultores familiares, a linha investimento de crédito emergencial FNE-Estiagem tem juros de 1% ao ano, prazo de pagamento de 10 anos, com até três anos de carência.

Operacionalizados pelo Banco do Nordeste e oriundos do Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE), os recursos destinam-se à recuperação ou preservação de atividades em municípios em situação de emergência ou estado de calamidade pública reconhecida pelo Ministério da Integração Nacional.

Desde julho de 2012, o Banco do Nordeste já contratou mais de R$ 2 bilhões no âmbito da linha de crédito. Os recursos foram distribuídos em 263 mil operações de crédito. Com informações do G1 Piauí

Botão Voltar ao topo
Quer falar a Redação? Comece aqui

Adblock detectado

Você está usando um bloqueador de anúncios.
Publicidade