ad16
DestaquesPolíciaTodas as Notícias

Quadrilha armada assalta banco no interior do PI e gerente é feito refém

[ad#336×280]Uma quadrilha com aproximadamente 10 homens fortemente armada assaltou por volta das 11h desta quarta-feira (28) a agência do Banco do Brasil da cidade de São Miguel do Tapuio, Norte do Piauí. De acordo com a Polícia Militar, os criminosos chegaram na cidade em dois veículos e passaram cerca de 20 minutos dentro da agência. Na ação eles fugiram com todo dinheiro do banco e levando o gerente refém.

Segundo o comandante de policiamento da cidade, capitão Reginaldo Soares, os criminosos estavam com armas de grosso calibre. “Eles entraram na agência e renderam o vigilante, funcionários e clientes. Além do dinheiro, também roubaram a arma do vigia, saíram levando o dinheiro do local e o gerente do banco como refém”, informou Reginaldo.

Durante a ação os criminosos chegaram a atirar na porta principal da agência quabrando o vidro.

Ainda segundo o capitão, a sede da 2ª Companhia de Policia Militar de São Miguel do Tapuio fica próxima ao banco, mas a polícia não teve como reagir. “O batalhão fica quase em frente ao banco, mas no momento do crime a equipe de plantão estava atendendo outra ocorrência e havia poucos policiais na sede. Testemunhas relataram que os criminosos colocaram dois homens em frente ao batalhão para atirar caso algum policial saísse do prédio”, destacou o comandante.

Banco do Brasil de Sçao Miguel do Tapuio
Banco do Brasil de Sçao Miguel do Tapuio

A ação dos suspeitos durou cerca de 20 minutos e após o assalto a quadrilha fugiu nos dois veículos modelos Hilux e uma Toyota SW4 em direção à divisa do estado do Piauí com o Ceará. “Eles fugiram levando o gerente, mas o liberaram na saída da cidade. Nós já acionamos os policiais da cidade de Novo Oriente, no Ceará, que faz divisa com o nosso município e também já saímos atrás dos suspeitos. Equipes da Polícia Militar de Castelo do Piauí e Campo Maior estão ajudando nas buscas”, confirmou o comandante Reginaldo.

Uma equipe do Grupo de Repressão ao Crime Organizado foi enviada de Teresina para São Miguel do Tapuio para acompanhar as investigações. Esta é a segunda ação criminosa registrada contra agências bancárias no estado em menos de 10 horas.

G1 Piauí

Botão Voltar ao topo
Quer falar a Redação? Comece aqui

Adblock detectado

Você está usando um bloqueador de anúncios.
Publicidade