ad16
Alagoinha do PiauíDestaquesMunicípiosTodas as Notícias

Quarto caso de sarampo confirmado no estado é registrado em Alagoinha do Piauí

O número de casos suspeitos já chega a 16 e o Piauí é um dos estados com surto ativo de sarampo.

A Secretaria de Estado da Saúde do Piauí (Sesapi) confirmou nesta terça-feira (17) o quarto caso de sarampo no estado, na cidade de Alagoinha do Piauí. Segundo a Sesapi, foi uma mulher que teve contado com um bebê de um ano, que teve o primeiro caso confirmado no Estado. O número de casos com suspeita é 16, segundo o Ministério da Saúde, o Piauí é um dos 16 estados com surto ativo de sarampo.

Este quarto caso confirmado pela secretaria foi transmitido após a mulher ter contato com o bebê infectado. A criança de um ano contraiu o vírus durante viagem a São Paulo. Além desses dois, os outros dois casos são de sarampo importado.

Sarampo- Foto: Reprodução

Os 16 casos suspeitos estão sendo investigados nas cidades de Parnaíba, Picos, Luís Correia, Teresina, Campo Grande, Floriano e Demerval Lobão. O primeiro caso foi confirmado em julho na cidade de Campo Grande do Piauí.

O segundo caso foi confirmado no dia 2 de setembro, em Teresina. O paciente é um homem com mais de 50 anos de idade, que também teria sido infectado pelo vírus durante uma viagem ao estado de São Paulo.

O terceiro foi confirmado nessa segunda (16). Uma jovem de 21 anos que mora em São Paulo e veio passar uns dias em Lagoa de São Francisco, município distante 193 km ao Norte de Teresina, apresentou os sintomas e recebeu a confirmação da doença.

Contaminação e sintomas

As crianças são as mais suscetíveis às complicações e óbitos por sarampo. A incidência de casos em menores de 1 ano é 9 vezes maior em relação à população em geral. A cada 100 mil habitantes, 52 crianças nessa faixa etária obtiveram confirmação para o sarampo.

A segunda faixa etária mais atingida é de 1 a 4 anos. Neste ano, foram confirmados quatro óbitos por sarampo: três óbitos ocorreram em menores de 1 ano de idade; e um óbito em um indivíduo de 42 anos. Nenhum dos quatro casos eram vacinados contra a doença.

Entenda o que é sarampo, quais os sintomas, como é o tratamento e quem deve se vacinar — Foto: Infografia: Karina Almeida/G1

Dentre os sintomas da doença estão: manchas no corpo, febre, tosse, coriza (nariz escorrendo) e conjuntivite. Além do risco de morte, a doença pode deixar sequelas graves. A transmissão do vírus do sarampo é direta de pessoa a pessoa, por meio das secreções nasofaríngeas e expelidas pelo doente.

Vacinação

A imunização do sarampo é realizada com a vacina Tríplice Viral. Os interessados podem buscar a unidade de saúde com seu cartão de vacinação em mãos, ela será avaliada e caso necessário receberá a dose.

A indicação é que a Vacinação em bebês aconteça aos 12 meses, e aos 15 meses aconteça a aplicação da segunda dose da vacina. Pessoas que não se vacinaram nessa faixa etária (12 e 15 meses de idade), podem se vacinar até os 49 anos de idade.

Fonte: Lorena Linhares, estagiária sob supervisão de Maria Romero/ G1 Piauí 

Etiquetas
Botão Voltar ao topo
Fechar
Publicidade