ad16
DestaquesTodas as Notícias

Sócios de estúdio fotográfico falam sobre o incêndio em loja e recomeço do negócio

De acordo com a entrevista, apesar da parte térrea ter sido tomada pelo fogo, os arquivos dos clientes estão intactos, salvos em "nuvem

Após uma semana do incêndio ocorrido na loja JS Auzeni Fotografias, os sócio Auzeni e José de Castro (Nenem) em entrevista a Grande Fm falaram sobre o ocorrido.

De acordo com a entrevista, apesar da parte térrea ter sido tomada pelo fogo, os arquivos dos clientes estão intactos, salvos em “nuvem” (internet).

Incêndio na JS Auzeni Fotografias em Picos – FOto: Whatsapp

Investigação 

Ainda de acordo com a entrevista, o fogo não foi criminoso. Provavelmente foi um curto de energia numa central. Os peritos do corpo de bombeiros e polícia civil ainda estão determinando a causa e já tem uma noção do que ocorreu. Ainda segundo Nenem, o fogo começou cedo. Foi de dentro pra fora. “Havia uma festa na Toca do Tatu e as pessoas perceberam que estava saindo fumaça. Ao perceberem o fogo recebi uma ligação do vigia Chico que me avisou de madrugada”, disse.

Os sócios da empresa, Maria Auzeni Santos e José dos Santos Castro
Os sócios da empresa, Maria Auzeni Santos e José dos Santos Castro – Foto: Grande FM

Ainda segundo informações do sócio Neném, as máquina de impressão estão intactas, só precisando de uma vistoria para detectar algum problema.

Loja fechada e local provisório

A loja permanece fechada e os clientes que quiserem entrar em contato, o façam pelo fone (89) 99984-2044 e 99984-1443. O ponto provisório provavelmente funcionará em frente a Picos Plástico na rua Santo Antonio.

“Até sexta-feira estaremos com um novo ponto para receber os clientes e entrega de material e impressão de fotos. As fotos de eventos estão salvas e os álbuns terão que ser refeitos. Só pedimos um pouco de paciência aos clientes, pois vamos honrar com nossos compromissos”, disse Auzeni.

OUÇA A ENTREVISTA

Etiquetas
Botão Voltar ao topo
Fechar
Publicidade