ad16
DestaquesDom Expedito LopesMunicípiosTodas as Notícias

Após buscas intensas, homem é encontrado perdido em matagal entre Dom Expedito Lopes e Gaturiano

Valderi Leal dos Santos, 57 anos, foi encontrado, na manhã desta segunda-feira (24), com apoio do Corpo de bombeiros e populares.

Um homem, identificado pelo nome de Valderi Leal dos Santos, 57 anos, foi encontrado, na manhã desta segunda-feira (24), após intensas buscas durante todo o final de semana, no município de Dom Expedito Lopes. Acharam-no entre a referida cidade e Gaturiano, ainda dentro da mata.

De acordo com o Comandante do Corpo de Bombeiros, Hamylton Lemos, a corporação recebeu a informação do sumiço do homem na sexta-feira (21) e, desde então, seguiam em diligências, juntamente com populares, no sentido de encontrar a Valderi.

“Havia várias frentes de buscas, devido a área ser muito grande. Então foram divididas equipes de buscas, com bombeiros e populares. Uma das equipes, construída por populares, encontrou o homem. Nós, do Corpo de Bombeiros, gerenciamos as buscas organizando e orientando os populares, além de participarmos ativamente das buscas nas matas”, relatou o comandante Hamylton Lemos.

Valderi Leal, de acordo com o comandante Hamylton, sofre de problemas mentais e teve um surto, o que ocasionou seu desaparecimento na mata. Ele destacou a comoção entre familiares e populares ao encontrarem o homem desaparecido.

“Ele possui problemas mentais, teve um surto e correu para dentro da mata. Em todo o tempo estivemos com os familiares e populares realizando busca. Hoje obtivemos êxito, graças a Deus. Houve muita comoção e agradecimento por parte da população, devido à capacidade de resposta que tivemos. Graças a Deus, a maioria das buscas que fizemos, obtivemos êxito”, disse.

O comandante do Corpo de Bombeiros agradeceu a ajuda dos voluntários na busca. “Ele é uma pessoa bem quista e muita gente se disponibilizou a procurar, juntamente com os bombeiros. Então quero enfatizar a importância do apoio dos familiares e população nesse caso que ajudou numa resposta positiva”.

Botão Voltar ao topo
Quer falar a Redação? Comece aqui

Adblock detectado

Você está usando um bloqueador de anúncios.
Publicidade