ad16
AutoPECASonline24.pt
https://ead.uninta.edu.br/
DestaquesTodas as Notícias

Em Picos, professores realizam manifestação e cobram pagamento do reajuste do piso salarial

O ato reuniu um grande número de trabalhadores da educação, que protestaram em defesa de seus direitos.

Em cobrança ao governador Wellington Dias (PT) para pagar o reajuste do piso salarial definido em lei, os professores da rede estadual de ensino de Picos realizaram na manhã desta terça-feira (18) uma manifestação pelas ruas da cidade. O ato reuniu um grande número de trabalhadores da educação, que protestaram em defesa de seus direitos.

Portando faixas e cartazes, os manifestantes iniciaram o protesto em frente à sede do Sinte Regional de Picos e seguiram pelas principais ruas da cidade no sentido de chamar à atenção da população. Após protestar pelas ruas, os professores retornaram a sede do sindicato e encerram a manifestação.

Protesto dos professores em Picos

A categoria cobra do governador Wellington Dias o pagamento do reajuste do piso salarial, previsto no piso nacional do magistério, que é de 12,84%. A proposta do governo é de pagar um aumento de 4,17%. “Nós temos uma lei do piso salarial, que é nacional. A data do reajuste é em janeiro e simplesmente o governo, com todos os anos, não cumpre com a lei”, lamentou a presidente do Sinte Regional de Picos, Gisele Dantas.

Professores cobram pagamento do reajuste do piso salarial – Foto: Grande Picos

Greve

Os professores estão em estado de greve desde o dia 10 de fevereiro e prometem atrasar o início das aulas do período letivo, caso o governador insista em não pagar o piso salarial da categoria, estabelecido pela lei nacional do piso.

Professores cobram pagamento do reajuste do piso salarial – Foto: Grande Picos
Etiquetas
Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Você está usando um bloqueador de anúncios.
Quer falar a Redação? Comece aqui
Publicidade