ad16
AutoPECASonline24.pt
GeralTodas as Notícias

Oficiais do 3º Batalhão de Picos visitam Oeiras e homenageiam o Visconde da Parnaíba

[ad#336×280]Quatro oficiais do 3º Batalhão de Engenharia e Construção, com sede na cidade de Picos, visitaram Oeiras na manhã desta terça-feira (08). Os oficiais prestaram uma homenagem ao Visconde da Parnaíba, colocando uma coroa de flores no busto do Brigadeiro.

O Batalhão em Picos recebeu o nome da figura histórica e o Sub Tenente Edivan, juntamente com o Tenente Coronel Félix prestaram homenagem ao herói. Também estavam presentes os sargentos Janidilson e Rildo, além do secretário de cultura de Oeiras, Stefano Ferreira que, na ocasião, recebeu os visitantes e representou o prefeito Lukano Sá. Os oficiais estavam sendo acompanhados também pela professora Cassi Neiva, presidente da Confraria Eça Dagobertiana que representou o Instituto Histórico de Oeiras, pelos alunos da Escola Visconde da Parnaíba e pelo 2º tenente Josué que estava representando a Polícia Militar de Oeiras.

Além de prestar a homenagem, os oficias visitaram o Museu de Arte Sacra e a Catedral de Nossa Senhora da Vitória, onde supostamente o Visconde da Paranaíba está enterrado.
Além de prestar a homenagem, os oficias visitaram o Museu de Arte Sacra e a Catedral de Nossa Senhora da Vitória, onde supostamente o Visconde da Paranaíba está enterrado.

O Sub Tenente Edivan, natural de Oeiras, falou do seu entusiasmo em voltar à Capital da Fé para prestar esta homenagem: “É sempre uma honra voltar à minha terra, eu que sempre tive o Visconde como uma referência histórica na minha vida, pois a primeira escola em que estudei recebeu o nome dessa figura e hoje estou muito honrado pelo comandante ter me designado para virmos a Oeiras prestar essa homenagem”, pontuou.

O Tenente Coronel Félix ressaltou a importância do Visconde para o seu batalhão: “Nós somos uma instituição fixada na disciplina e hierarquia e, ao redor dessas duas posições, temos a tradição. É bom para nós cultuarmos essas tradições e a figura do Visconde da Parnaíba que foi um dos primeiros militares do Piauí e com a participação dele na adesão do Piauí ao estado brasileiro da época, é fonte de inspiração para o exército. Além do mais, o nosso 3º Batalhão de Engenharia e Construção tem o nome do Visconde em homenagem a ele”, explicou. O tenente destacou ainda o encantamento com a estrutura histórica da cidade. “É satisfatório ao povo oeirense que exista essa preservação, que haja essa consciência da administração municipal que isso deve ser conservado. Temos que ter referência no passado para seguirmos para o futuro e Oeiras esta de parabéns por manter essa identidade histórica”, exaltou.

Além de prestar a homenagem, os oficias visitaram o Museu de Arte Sacra e a Catedral de Nossa Senhora da Vitória, onde supostamente o Visconde da Paranaíba está enterrado. No fim da visita, os oficias receberam um livro da Confraria Eça Dagobertiana das mãos da Professora Cassi e um livro sobre o conteúdo histórico de Oeiras entregue pelo secretário de cultura, Stefano Ferreira.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Você está usando um bloqueador de anúncios.
Quer falar a Redação? Comece aqui
Publicidade