ad16
DestaquesJaicósTodas as Notícias

Vereador de Jaicós foi morto por causa de dívida de jogo, diz Polícia Civil

A Câmara Municipal de Jaicós vai realizar, na manhã desta quarta-feira (03) às 10h, uma sessão solene em homenagem ao vereador no Plenário Deputado Humberto Reis da Silveira

O vereador piauiense João Messias da Costa (PSD), segundo a Polícia Civil de São Paulo, foi assassinado devido a uma dívida de jogo. Conhecido como “Messias Porteiro”, ele foi atingido por um golpe de faca, no último domingo (31), enquanto visitava a cidade de Matão, no interior do estado de São Paulo. As informações são do ClubeNews.

Ainda de acordo com a Polícia, o suspeito confessou a motivação do crime. Investigações estão sendo realizadas, como apontou a Secretaria de Segurança Pública (SSP).

O crime

João, que tinha 34 anos e era natural de Jaicós no Piauí, estava em seu primeiro mandato. Durante uma viagem em Matão- SP, ele se desentendeu com um homem, que o atingiu no pescoço com uma faca. O vereador chegou a ser socorrido, mas foi a óbito em hospital da região.

Câmara Municipal de Jaicós

A Câmara Municipal de Jaicós vai realizar, na manhã desta quarta-feira (03) às 10h, uma sessão solene póstuma em homenagem ao vereador no Plenário Deputado Humberto Reis da Silveira, sede do Legislativo Jaicoense.

O corpo de Messias deve chegar à cidade por volta das 7h desta quarta (3), onde será velado por cerca de 2 horas, em um imóvel que pertencia a ele, situado ao lado do Hospital Florisa Silva, no Bairro Nova Olinda.

Em seguida, o corpo será levado para a Câmara Municipal e, depois, para à comunidade Pau do Inxuí, na zona rural de Jaicós, onde será sepultado.

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Você está usando um bloqueador de anúncios.