ad16
DestaquesPolíciaTodas as Notícias

Violência contra a mulher lidera estatística de inquéritos da Polícia Civil de Picos em agosto

A corporação de investigação policial pede para que todas as mulheres que estiverem sofrendo violência, que denunciem às autoridades competentes.

A Polícia Civil de Picos divulgou, na última quarta-feira (01), alguns dados referentes ao número de inquéritos policiais que foram instaurados na delegacia durante todo o mês de agosto. O crime de violência contra a mulher liderou os números.

Segundo dados disponibilizados na página da Polícia Civil no Instagram, de 69 inquéritos que foram instaurados, 26 correspondiam a crimes de violência doméstica, o que corresponde a cerca de 40% (37,68%, para ser mais exato) do total de casos recebidos na delegacia.

A postagem informava ainda que, de todos os inquéritos que foram abertos, 41 prisões foram lavradas na Central de Flagrantes.

A corporação de investigação policial pede para que todas as mulheres que estiverem sofrendo violência, seja ela de cunho físico, verbal ou psicológico, que denunciem às autoridades competentes.

“Portanto, não se cale! É preciso quebrar o silêncio! Denuncie! A Polícia Civil informa que, a qualquer hora (dia ou noite), a vítima pode solicitar medida protetiva de urgência na Central de Flagrantes de Picos (sábados, domingos, feriados ou fora do horário do expediente diário) ou na DEAM (Delegacia de Amparo à Mulher) durante o horário normal de expediente”, diz publicação.

Botão Voltar ao topo
Quer falar a Redação? Comece aqui

Adblock detectado

Você está usando um bloqueador de anúncios.
Publicidade