ad16
AutoPECASonline24.pt
GeralTodas as Notícias

Com barragem em apenas 10% de sua capacidade, cidades piauienses fazem racionamento d’água

Além do colapso no abastecimento d’água em 160 dos 224 municípios do estado, segundo a Defesa Civil Estadual, vários municípios reclamam que está havendo racionamento de água. A direção da Agespisa nega o racionamento, mas afirma que, aliado à escassez de água, ainda ocorre o aumento em mais de 40% no consumo de água neste período, o mais quente do ano. A empresa admite ainda que há falhas no abastecimento por conta de problemas na estrutura e na distribuição de água.

Os prefeitos dos municípios de Água Branca, Altos e Pio IX, dentre outros, até formalizaram as reclamações na Agespisa. Eles alegam que está havendo racionamento. Em Pio IX, a partir de amanha serão dois dias da semana sem água nas torneiras. “O racionamento, segundo o funcionário da Agespisa, “se repetirá até Deus nos mandar chuva””, postou o jornalista e estudante de Odontologia Rômulo Maia, na sua conta de Facebook. Rômula estuda em Teresina e a família reside em Pio IX.

Barragem Cajazeiras no município de Pio IX
Barragem Cajazeiras no município de Pio IX

O prefeito de Água Branca, Jonas Moura, esteve na sede da Agespisa, em Teresina, em reunião com o presidente da instituição, Raimundo Trigo, e cobrou a construção de poços. “É uma preocupação grande de nossa parte que a população seja atendida no tocante à água, mesmo que essa questão de abastecimento não seja atribuição do município e sim da Agespisa. Por isso, o esforço de estar em Teresina praticamente todas as semanas, conversando com o presidente Trigo, no sentido de tentar sanar esse problema”, frisou o prefeito.

Ele disse que mesmo com a responsabilidade sobre a distribuição da água por parte do governo, através da Agespisa, a Prefeitura de Água Branca está investindo recursos próprios na construção de poços. Além disso, dois carros-pipa foram contratados para amenizar a demanda: um carro-pipa está atendendo vários bairros da cidade e outro foi disponibilizado para a Secretaria de Agricultura do município.

Segundo a Secretaria Estadual de Defesa Civil, cerca de 160 dos 224 municípios do Piauí estão em colapso no abastecimento d’água. O problema ocorre principalmente na região do semiárido, onde até as barragens construídas pelo governo estão secando. A Barragem de Piaus, por exemplo, que abastece as cidades de Pio IX e São Julião, dentre outras, tem apenas 10% de sua capacidade hoje. A situação é mais grave porque, além da zona rural, a falta d’água atinge também as casas da zona urbana das cidades.

Diário do Povo

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Você está usando um bloqueador de anúncios.
Quer falar a Redação? Comece aqui
Publicidade