ad16
GeralPolíticaTodas as Notícias

Em Picos, Mão Santa fala da sua pré-candidatura ao governo do estado

Mão Santa e Mainha visitando Picos-Foto: Romário Mendes
Mão Santa e Mainha visitando Picos-Foto: Romário Mendes

Acompanhado do pré-candidato ao senado, o ex-deputado federal Mainha (Solidariedade), e amigos correligionários, o pré-candidato ao governo do estado, o ex-senador e governador Mão Santa (Solidariedade), esteve visitando a cidade de Picos na manhã deste sábado (29).

Na ocasião, o ex-senador visitou o terminal rodoviário Zuza Baldoíno; o comercio local; o Mercado Público e a feira livre do município.

Em entrevista a imprensa picoense, Mão Santa disse que é sempre bom visitar a cidade. Segundo ele, durante o seu governo fez muitas parcerias com o poder municipal e trouxe várias obras para o município.

“Fiz muitas coisas aqui em Picos e hoje estou aqui porque estou sentido um chamamento do povo do Piauí. Não estava nos meus planos, mas estava nos planos de Deus. Eu pensei em ser pré-candidato a deputado federal, mas decidi me pré-candidatar ao governo”, frisou.

Mão Santa afirmou ainda que o seu nome surgiu com a vontade do povo  e acredita que, nós próximos meses, seu nome irá crescer nas pesquisas.

Mão Santa no Mercado Público de Picos-Foto: Romário Mendes
Mão Santa no Mercado Público de Picos-Foto: Romário Mendes

Durante a entrevista, o pré-candidato elogiou o ex-deputado federal Mainha. “O Mainha é um homem forte aqui na região. É um grande líder aqui. Ele é um homem de uma postura e de uma decência muita grande. Tenho orgulho dele, além de ser meu amigo”, elogia Mão Santa.

Pré-candidato ao governo do estado, Mão Santa-Foto: Romário Mendes
Pré-candidato ao governo do estado, Mão Santa-Foto: Romário Mendes

O pré-candidato ao senado, José Maia Filho, o Mainha, informou que está andando nas ruas de Picos para escutar a opinião pública. “Porque quem vai decidir a eleição é o povo. Fomos bem recepcionados e estamos com os nossos nomes a disposição”, diz.

Pré-candidato ao senado, Mainha-Foto: Romário Mendes
Pré-candidato ao senado, Mainha-Foto: Romário Mendes

Quanto ao vice-governador Zé Filho (PMDB) assumir o governo, Mainha conta que ainda não pode fazer previsões antes da hora. Segundo ele, o vice-governador deverá votar em um candidato do PMDB e o acordo deverá acontecer. O pré-candidato afirmou que vai montar uma chapa genuinamente da oposição.

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Você está usando um bloqueador de anúncios.
Quer falar a Redação? Comece aqui
Publicidade