ad16
AutoPECASonline24.pt
EducaçãoGeralTodas as Notícias

Escolas picoenses desenvolvem projetos de educação contextualizada‏

Tornar a escola um espaço significativo por meio de estratégias que transformem a convivência com semiárido num espaço significativo, prazeroso e de exercício da cidadania. Com essa proposta, escolas da rede municipal de Picos irão executar o projeto “Educação Contextualizada para a Convivência com o Semiárido”.

Escolas picoenses desenvolvem projetos de educação contextualizada‏-Foto: Maria Santana
Escolas picoenses desenvolvem projetos de educação contextualizada‏-Foto: Maria Santana

No município as escolas contempladas nesta etapa do projeto, desenvolvido em parceria com a Rede de Educação Contextualizada no Semiárido (RESAB), foram a Manoel da Cruz Lima Sobrinho (Tabatinga) e Expedito Albano (Curralinho). Que atendem uma média de 180 alunos.

O secretário municipal de educação, Pe. Walmir Lima, destaca a expectativa o proem relação ao projeto e a necessidade do empenho da escola e comunidade nas ações. “O processo ensino-aprendizagem, quando não contextualizado, causa enormes prejuízos como a evasão escolar e, também, a dificuldade de relacionar os conteúdos didáticos com a realidade em que vive. Às vezes, o aluno pensa que a única saída é mudar do campo para a cidade. Acreditamos que essa contextualização trará benefícios, pois, o estudante vai aperfeiçoar o conhecimento da sua realidade e aplica-lo onde vive, daí a importância da parceria escola e família.”

Padre Walmir participou da execução do projeto-Foto: Maria Santana
Padre Walmir participou da execução do projeto-Foto: Maria Santana

Para a coordenadora pedagógica da Escola Manoel Lima Sobrinho, Elenilva Pinheiro, essa é uma oportunidade de construir conhecimento, por meio da pedagogia da alternância, para “bem viver no sertão”. A educadora informou que as ações interdisciplinares iniciam nesta semana e a primeira temática abordada será a água.

Na manhã desta quarta-feira (11) aconteceu a apresentação, para professores e comunidade, do projeto Educação Contextualizada para a Convivência com o Semiárido, na Escola Manoel Lima Sobrinho.

Ascom

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Você está usando um bloqueador de anúncios.
Quer falar a Redação? Comece aqui
Publicidade