ad16
Geral

Francisco Teotônio da Luz Neto – Um vulto vivo da nossa história

Por Douglas Nunes

Encontra-se em nossa cidade visitando os familiares e amigos Francisco Teotônio da Luz Neto, conhecido de todos como Teotônio Luz.

Francisco Teotônio
Francisco Teotônio

A presença deste ilustre picoense que muito tem feito para o engrandecimento de nossa cidade e do Piauí, pelo seu admirável trabalho literário, não pode passar despercebida. Teotônio Luz é um grande autor e por isso mesmo, merecedor de todas as honras.

Teotônio Luz nasceu a 23 de abril de 1941 no lugar “Gentio”- Picos (PI). É filho de Vital Teotônio da Luz e Maria Stela de Jesus. É casado com Teresinha de Jesus Melo Lobão Luz, tendo duas filhas Sandra Lobão Luz e Soraia Lobão Luz Tiussi, esta casada com Marcos Hamilton Tiussi, que lhe deram o primeiro neto Matheus Teotônio Lobão Luz Tiussi.

Teotônio é Escritor, poeta, contista, pesquisador, genealogista, funcionário aposentado do Banco do Brasil, professor, advogado, economista, técnico em Contabilidade. Pós-graduado em Engenharia Econômica, em Administração Financeira e em Orçamento Público. Sempre de vida atuante, participou de vários Cursos, Jornadas, Simpósios, Encontros, Seminários e Grupos de Trabalho.

Membro Correspondente da Academia Brasileira de Poesia – Casa Raul de Leoni, em Petrópolis-RJ; da Academia Taguatinguense de Letras – ATL, em Taguatinga-DF. Sócio Correspondente do Instituto Paraibano de Genealogia e Heráldica em João Pessoa-PB. Membro da União Brasileira de Escritores do Piauí… E por vai… Se fôssemos enumerar todas as atividades que Teotônio Luz já promoveu e vem promovendo, dos livros escritos e cursos realizados, ficaríamos aqui só falando nisso.

Sabemos quem é Francisco Teotônio da Luz Neto. Mas quem é Teotônio Luz pessoa! Falta-nos, com certeza essa distinção. Buscá-lo conhecer não é fácil… No entanto, também não é difícil se combinarmos encontrá-lo no meio da multidão. Não é difícil devido seu calibre literário que encobre e ilumina, deixando um rastro de saber para povo e este saber se estende e espalha, dando oportunidades para todos através do seu brio próprio de conhecimento!

Teotônio é picoense assim como nós todos. Mas ele é um autor literário e sua voz soa esboçando o Saber, como só há de ser quem escreve e lê!

Encontrei-o numa manhã de sábado, cuidando de suas unhas e pés e conversando animadamente e nesse encontro discutimos aquilo que nos atinge: Literatura!

Pessoalmente, só conheço a Literatura picoense… Com Teotônio desvendamos a literatura mais ampla, como assim dizer… Num Vernáculo Superior!

Tive, portanto a honra de entrevistá-lo naquele belíssimo e agradável sábado dia 13 de agosto de 2011, ouvindo os sons dos feirantes da Praça João de Deus Filho, no centro da cidade de Picos; E imagine, até colibris surgiam de repente!

Teotônio, como sempre gentil e solidário.

No encontro, se dispôs a todos os cuidados em manter a sua rumorosa agenda e compromissos já assumidos, pois Teotônio (como ele mesmo diz), quando vem a Picos é para rever os amigos e são tantos os amigos que mal o tempo dá para visitá-los todos.

Depois de cinco anos ausente de Picos, Teotônio surge de repente… Como surgem as grandes esferas do espaço e quando surge não se faz assoalhar… Apenas espera acontecer, assim como naturalmente brotam as grandes obras.

Pelas suas palavras, Teotônio afirma não ter férias… “–Não vim à Picos em férias, mas para renovar o relacionamento com os familiares, amigos e os colegas acadêmicos da Academia de Letras da Região de Picos; E também participar das festividades religiosas da Padroeira de Picos, Nossa Senhora dos Remédios!”

Segundo ele, quando questionado sobre seus livros, afirmou: “Estou trabalhando insistentemente na conclusão de um livro de poesias em que, acredito ser mais avantajado (de fôlego) de volume e principalmente de predicados”;

Teotônio anseia filiar-se à União Picoense de Escritores. “–Sempre pensei nisso – disse-nos ele – porque é uma entidade cultural e literária da minha terra e quero incorporar-me ao grupo de escritores já existentes e dar também a minha contribuição no sentido de elevar o nome de minha cidade, aos píncaros mais elevados da literatura, mesmo sabendo que minha contribuição é pequena!”

Teotônio acompanha o movimento literário picoense através dos meios de comunicação, principalmente pela internet; Mas recebe frequentemente noticias dos amigos que relatam os últimos acontecimentos na cidade de Picos.

Sobre o livro Genealogia da Família Luz, Teotônio nos disse: “—Diante do aprofundamento que fizemos, esse livro é a maior obra que publiquei até o momento. Estou envidando esforços (como eu já disse anteriormente) em publicar um livro de poesia com esse mesmo sentido… Além dos tradicionais, quero acrescentar capítulos com trovas ao anseio popular.

Francisco Teotônio retorna à Brasília nos próximos dias, mas a convite e pela oportunidade e acima de tudo, por méritos, Teotônio assinará a Ficha de Filiação junto à União Picoense de Escritores, nesta segunda-feira, dia 15 de agosto e passará a ser o 55º membro da Entidade que ele sempre sonhou tomar parte.

Douglas Nunes – Presidente da União Picoense de Escritores

[ad#ad-3][ad#ad-3]
Botão Voltar ao topo
Quer falar a Redação? Comece aqui

Adblock detectado

Você está usando um bloqueador de anúncios.
Publicidade