ad16
AutoPECASonline24.pt
https://ead.uninta.edu.br/
DestaquesGeralTodas as Notícias

Presidente do Sindserm traça metas para 2015

Após as eleições realizadas no dia 15 de janeiro do corrente ano para a definição da Diretoria do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Picos, a presidente eleita Edna Moura já traça metas para 2015. Dentre as principais prioridades está a integração dos servidores junto ao Sindicato, além de reivindicações que contemplam as necessidades da categoria.

Edna Moura, presidente do Sindserm de Picos - Foto: Arquivo
Edna Moura, presidente do Sindserm de Picos – Foto: Arquivo

A presidente do Sindserm, Edna Moura, destaca que as metas do sindicato se direcionam para a realização do Concurso Público em 2015, algo que já vem sendo discutido desde o ano passado. “Existe um grande número de contratados nas diferentes secretárias do município, e estas contratações elas devem ser sanadas. Nós não estamos contra os contratados, pelo contrário nós defendemos todos os trabalhadores”, disse Edna Moura.

Edna Moura ressalta ainda que o prazo para a realização do Concurso estabelecido pelo Ministério do Trabalho em negociação com a Prefeitura Municipal de Picos pode ser antecipado.

Entre as prioridades para este ano está a maior participação dos servidores em cursos de capacitações, desenvolvimento de mais cursos promovidos pelo sindicatos, etc.

Relação com a prefeitura

Edna Moura explica que a relação do Sindserm com qualquer órgão, sempre se manteve a mesma. Uma relação de respeito, que leva em consideração a ética e o diálogo com os administradores do município. “É claro que o sindicato sempre manteve esta linha de diálogo, mas também nunca abriu mão de lutar pelo que reivindica os servidores”, pontua a presidente.

Demandas pendentes

Uma das demandas que ainda continuam sendo debatidas  responde ao reajuste dos salários com acréscimo de 2,5%  em maio de 2014, somadas às perdas salariais que totalizam 5%.

“Só foi aplicado o reajuste no mês de maio, normal de 6.4, mas sem o acréscimo dos 2,5% que nós havíamos negociado neste parcelamento. Agora no mês de maio de 2015 discutiremos o reajuste levando em consideração a implementação dos valores completos”, afirma Edna Moura.

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Você está usando um bloqueador de anúncios.
Quer falar a Redação? Comece aqui
Publicidade