ad16
DestaquesFronteirasMunicípios

TRE/PI pede tropas federais para nova eleição em Fronteiras

Fronteiras vista da Av. landri Sales - Foto: Jakson Sousa
Fronteiras vista da Av. landri Sales - Foto: Jakson Sousa

O Tribunal Regional Eleitoral do Piauí aprovou o pedido de envio de tropas federais para o município de Fronteiras, 400 quilômetros ao Sul de Teresina, que terá eleições suplementares para prefeito no dia 9 de outubro. A solicitação agora será apreciada pelo Tribunal Superior Eleitoral, que irá decidir se envia ou não o Exército para acompanhar o pleito.

Neste ano, o TSE já recusou dois pedidos de envio de tropas para eleições em Campo Maior, no último janeiro, e Luzilândia, em julho. O motivo foi o envio de ofício do governo do Piauí assegurando que a Polícia Militar garantiria a segurança do pleito. Nos dois casos, foram enviados reforços policiais, por conta do efetivo do município ser insuficiente.

Dois candidatos disputam o pleito em Fronteiras. Eudes Agripino Ribeiro encabeça a chapa “O Futuro Começa Agora” (PTB/PMDB/PR/PPS), tendo como vice Antônio Juçara Gomes Alves de Sousa Lima. Já José Laércio da Luz, o Doutor Laércio, é o candidato da chapa “Trabalho, Justiça e Renovação” (PT/PDT/PCdoB/PRB/DEM). Seu vice é Aquiles Batista dos Santos Filho, o “Lourinho”.

Os dois registros de candidatura já foram deferidos pela Justiça Eleitoral. Houve recurso contra a chapa de Doutor Laércio, negado pela 40ª Zona Eleitoral.

A eleição suplementar foi determinada após o Tribunal Superior Eleitoral – TSE -, cassar o prefeito Osmar Sousa e seu vice Norberto Ângelo Pereira Neto, acusados de compra de votos nas eleições de 2008. Será a 20ª eleição suplementar no Piauí desde então.

Fábio Lima

[email protected]

Botão Voltar ao topo
Quer falar a Redação? Comece aqui

Adblock detectado

Você está usando um bloqueador de anúncios.
Publicidade