ad16
https://ead.uninta.edu.br/
AutoPECASonline24.pt
DestaquesGeral

Picos sedia debate sobre fome, seca e pobreza no semiárido nordestino

[ad#336×280]Diante da situação de pobreza que o sertanejo nordestino, piauiense vem enfrentando devido ao longo período de estiagem, a Caritas está promovendo em Picos o seminário e debate sobre a “Seca, Fome e Pobreza no Nordeste Brasileiro”. O evento acontece no auditório do Centro de Treinamento Diocesano de Picos (CTD), e conta com a participação de autoridades religiosas, membros da Caritas Regional do Piauí, Caritas Diocesana de Picos,  além de representantes das pastorais sociais.

O seminário tem como proposta discutir sobre a ausência de políticas públicas, e que direções tomar em relação a situação de pobreza e seca no semiárido piauiense. Esta pauta tem sido bastante discutida pela Caritas brasileira, e no Piauí a discussão tem se tornado ampla, disseminando a ideia e levantando a bandeira da solidariedade.

Para o membro da Caritas Regional, Adonias Rodrigues, existe uma ausência de decisões concretas a serem tomadas para o problema. “Na verdade a gente percebe a falta de políticas públicas, principalmente neste período de pobreza e seca. Mas o que a gente quer na verdade é chamar a atenção das pessoas para o assunto da pobreza e fome, que ultrapassa somente os aspectos econômicos, mas também social”, afirma Adonias Rodrigues.

Segundo Socorro Fortaleza, membro da Caritas Diocesana de Picos, o trabalho realizado pela Caritas  tem se intensificado, e a mesma apontou a necessidade de pessoas participando ativamente. “Após abertura da semana da solidariedade no dia 5, nós da Caritas Diocesana de Picos temos realizados visitas em outras cidades, promovendo ações sociais. No entanto, precisamos de mais pessoas para dar continuidade ao nosso trabalho, precisamos de mais voluntários no atendimento de pessoas idosas, e outras atividades que são realizadas”, destaca Socorro Fortaleza.

Abertura das discussões no seminário - Foto: Paula Monize
Abertura das discussões no seminário – Foto: Paula Monize

A proposta de discussão faz parte da programação da Semana da Solidariedade realizada pela Caritas Brasileira todos os anos de 5 a 12 de novembro e que este ano traz como foco principal a denúncia “Brasil: Terceiro pior índice do mundo em desigualdade entre pobres e ricos.

Bispo Diocesano, D. Plínio José - Foto: Paula Monize
Bispo Diocesano, D. Plínio José – Foto: Paula Monize

Para o Bispo Diocesano, Dom Plínio José, o seminário sobre a pobreza, seca e fome no semiárido, “é representativo, pois nós que presenciamos esta seca tão dura aqui na nossa região temos a necessidade de aprofundar o assunto. Estamos buscando uma resposta aos apelos que a sociedade nos traz para que possamos ter uma ação prática de solidariedade” diz Dom Plínio.

Durante os debates, a assembleia terá  espaço aberto  para expor a realidade vivenciada em suas comunidades, e  as decisões tomadas sejam encaminhas para  ao poder público.

O seminário acontecerá por três dias (08, 09 e tendo encerramento no dia 10 ás 12h) com dinâmica de palestras, discussões e momentos de reflexão.

 

 

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Você está usando um bloqueador de anúncios.
Quer falar a Redação? Comece aqui
Publicidade