ad16
DestaquesGeralTodas as Notícias

Semam alerta para o período das queimadas em Picos

“Queimada é crime. Estamos dando publicidade a todas as ações da nossa secretaria sobre o assunto. Nossa função é educar”, explica a gestora.

A Secretária de Meio Ambiente de Picos, Fátima Sá, alertou acerca do período de queimadas no município picoense, tendo em vista o clima seco que se inicia na região. Segundo a gestora, implicações de natureza humana à jurídicas, podem ocorrer diante daqueles que, de alguma forma, provoquem queimadas, sem autorização e controle, no arredores da cidade, ou mesmo em locais urbanos.

“Queimada é crime. Estamos dando publicidade a todas as ações da nossa secretaria sobre o assunto. Nossa função é educar”, explica a gestora.

Fátima Sá anunciou ainda que está sendo realizada uma parceria com o Ministério Público de Picos e o Corpo de Bombeiros para tratar da questão no âmbito jurídico e o combate efetivo das ações irregulares de queimadas visando punir os infratores. Comenta ainda que a o Ministério Público tem a função de punir penalmente os infratores.

Secretária de Meio Ambiente, Fátima Sá – Foto: Fabrício Sousa

“Estamos marcando uma reunião para elaborar plano de ação em conjunto com a Secretaria de Meio Ambiente,  o Ministério Público e o Corpo de Bombeiros para que possamos atuar em conjunto no combate às queimadas sobretudo nesse período de clima seco que está se iniciando”, revela a secretária.

Fiscalização local
A fiscalização acontece diariamente no município de Picos por meio dos agentes de fiscalização ambiental. Os locais onde ocorrem algum tipo de queimada, os ficais ambientais são acionados para que alguma providência seja tomada diretamente com o causador da queimada.

Os valores das multas,  segundo a secretária Fátima Sá, são analisadas de acordo com o tamanho do terreno, dependendo ainda do alcance do crime ambiental causado pela ação da queimada.

“Nós iremos notificar o dono do terreno que tenha algum tipo de queimada. Estamos com fiscais constantemente nas ruas, diariamente. Se alguém presencie alguma pessoa realizando alguma queimada, ligue para o telefone 98825 3378 e denuncie”, solicita a gestora.

Fátima Sá ressalta ainda o apoio da administração do prefeito Gil Marques de Medeiros no que diz respeito às ações realizadas pela Secretaria de Meio Ambiente de Picos no combate a crimes relacionados ao meio ambiente de qualquer natureza.

“O prefeito Gil Paraibano está ciente das nossas ações e solicitou que sejamos sempre combativos a qualquer ato infracional dessa natureza, e natureza ambiental como um todo. Ele se preocupa muito com a questão ambiental e cotamos com seu apoio incondicional nesse sentido”, relata a gestora.

Queimadas
A queimada é uma prática da agricultura destinada a limpeza do terreno para o cultivo, plantio ou desenvolvimento de pastagens, por meio do fogo de maneira controlada. Caso ocorra o seu descontrole, surgem incêndios, podendo se espalhar por florestas e terrenos.

O que as queimadas podem causar
Diretamente, as queimadas provocam destruição ambiental dos biomas e áreas afetadas pelo fogo, além da emissão de gases poluentes por meio da fumaça delas resultante.

Como começam as queimadas
As queimadas podem surgir geralmente em tempos de clima quente e seco, quando a umidade relativa do ar não exceda 20%. Nessa situação, o surgimento de elemento que gere uma fagulha, seja um relâmpago ou um cigarro aceso, torna-se potencial  combustível para alimentar chamas, assim como madeira, arbustos e folhagens secas, de forma combinada provocam grandes incêndios.

Consequências das queimadas para o meio ambiente
As queimadas têm grande potencial danoso para o meio ambiente de forma geral e também para a saúde humana. Causam a poluição das nascentes dos rios, das águas subterrâneas e rios com ação das cinzas, promovem gradualmente a extinção de espécies da fauna e da flora, além de danos de natureza infra estrutural. Outros fatores danosos da ação das queimadas diz respeito à alterações climáticas e a quebra de recursos naturais, o que provoca graves avarias para a saúde humana, como problemas respiratórios e outros.

Consequências das queimadas para o solo
As queimadas podem desencadear graves consequências diretamente para solo, como a ação danosa da erosão, além da sua deterioração. Outro fator crucialmente danoso para o solo pela ação das queimadas é o aumento de dióxido de carbono no ar, implicando diretamente no aquecimento global, além da destruição inerente de habitats de animais de plantas.

Ccom PMP

Botão Voltar ao topo
Quer falar a Redação? Comece aqui

Adblock detectado

Você está usando um bloqueador de anúncios.
Publicidade