ad16
https://ead.uninta.edu.br/
AutoPECASonline24.pt
Geral

Titico Barbosa rebate acusações sobre licitação vencida pelo seu irmão

Titico Barbosa (PP)-Foto:ASCOM

Durante a sessão dessa quinta-feira (09), voltou ao centro do debate o assunto da licitação da Prefeitura Municipal de Picos para a aquisição de água e refrigerantes para a SME – Secretaria Municipal de Educação. Naquela ocasião, o vereador Hugo Victor (PMDB) apresentou suspeitas de irregularidade no processo, afirmando que o mesmo foi feito em período de férias e que após vencer a licitação o proprietário do estabelecimento LB das Bebidas, irmão do vereador Titico Barbosa (PP), teria fechado o comércio e em seguida, no mesmo endereço foi inaugurado o comitê eleitoral da candidata da situação Belê Medeiros (PSB).

Sendo assim, durante a sessão desta quinta-feira o vereador Titico Barbosa prestou esclarecimentos e defendeu seu irmão em plenário. Segundo ele não há qualquer tipo de irregularidade no processo licitatório. “O meu irmão Leonardo Barbosa foi o vencedor da licitação para compra de refrigerante e água mineral para a Secretaria de Educação. Os vereadores na sessão passada aproveitaram a minha ausência e dos demais vereadores da situação e fizeram um ‘auê’ sobre essa licitação. Eu quero dizer ao povo de Picos que não houve nada de errado. A licitação foi feita dentro das normas legais”, afirmou o parlamentar.

Titico Barbosa rebateu acusações diretas do vereador Manoel Vieira (PMDB) prometendo resolver a situação na justiça, caso não houvesse retratação.  “O vereador Manoel Vieira disse que foi uma licitação fraudulenta e eu disse hoje na tribuna da câmara que iria processá-lo se ele não se retratasse, se ele não provasse. Eu o desafiei e ele no seu pronunciamento se retratou, afirmou que não disse essa palavra, que apenas tinha estranhado o LB das Bebidas ter fechado e eu trouxe a documentação provando que não fechou, apenas mudou de endereço. Eu me senti magoado”, finalizou.

Contudo, o vereador Hugo Victor afirmou que a bancada oposicionista continua com o mesmo pensamento e que vai formalizar denuncia junto ao Ministério Público. “A gente vai continuar da mesma maneira. A denúncia está sendo preparada porque no mínimo, como falei da vez passada, é estranho o comércio ganhar uma licitação da Secretaria de Educação e fechar da noite pro dia e abrir o comitê eleitoral da candidata do prefeito. Depois fizeram uma retificação tirando o FUNDEB. Será que não foi por causa da nossa reclamação? Nós vamos encaminhar tudo ao Ministério Público. A oposição vai fazer o seu papel de fiscalização e esperar a resposta do Ministério Público”, destacou.

Fonte: Ascom

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Você está usando um bloqueador de anúncios.
Quer falar a Redação? Comece aqui
Publicidade