ad16
AutoPECASonline24.pt
GeralSantana do Piauí

Artista santanense se destaca em apresentações pelo país

Gilson Bala - Imagem: Divulgação

O município de Santana do Piauí tem recebido a visita de mais um de seus filhos ilustres, o músico e cantor Gilson José da Silva, o Gilson Bala, veio ao Piauí rever os pais e amigos, oportunidade em que tem divulgado a sua vida artística em outros Estados do Brasil. Ele se mudou para São Paulo há cinco anos, e após um período de trabalho regular em firmas, ingressou no meio musical tocando seus ritmos voltados para o público jovem.

Filho de José Manuel da Silva e Maria Zeni, Gilson Bala estava em turnê no Estado da Bahia com a sua banda: “Gilson Bala e forró junto e misturado”. Ao final das apresentações os colegas retornaram a São Paulo e ele veio ao Piauí, oportunidade que aproveitou para falar de seu trabalho.

“Pra fora: Bahia, Minas Gerais, Tocantins, já temos um trabalho feito, no Piauí ainda não, estamos tentando entrar, mas deixando claro que não estamos tentando tirar o lugar de ninguém, só acrescentar”, explicou.

Ao final desta semana ele retorna a São Paulo, pois já está com data marcada para lançar o volume dois do DVD Gilson Bala e forró junto e misturado. Sobre o ritmo musical mais explorado pela banda ele explica que varia de acordo com o show, atendendo aos pedidos do público.

Gilson Bala - Foto: Jailson Dias

“Nós somos um pouco de tudo, porque tem aquele pessoal que gosta do brega, e tocamos o brega, tem o pessoal que gosta do forró, tocamos o forró, na Bahia o pessoal gosta do pagodão, especialmente os jovens”, explicou.

Após trabalhar em outros setores quando de sua chegada a São Paulo, Gilson disse que foi possível montar a estrutura necessária para as apresentações da banda, contando com a parceria direta de amigos, dentre eles o guitarrista Íris Bahia, que o acompanha nessa visita ao Piauí. “Temos uma estrutura de palco muito boa e estamos aí, estamos sendo aceitos”, frisou.

Embora esteja em São Paulo há cinco anos, a formação atual de sua banda, que conta com seis integrantes e mais as dançarinas, tem um ano e meio de estrada. Além de cantar Gilson Bala toca teclado. “Eu vim no sentido de rever meus pais, meus amigos, encontrei o Ricardo, desde os tempos de colégio, foi meu professor e foi a primeira pessoa que me levou para uma apresentação em público”, declarou.

Ele diz sentir orgulho ao informar que é natural de Santana do Piauí e deixa uma mensagem para os conterrâneos santanenses: “nunca se acomodar, às vezes uma pessoa termina os estudos e se acomoda, acha que a sorte vai cair do céu e não vai, você tem que ir a luta, se você tem um sonho tem que ir buscá-lo, eu estou quase realizado, falta só ingressar aqui no Piauí, aí o meu sonho estará completo”.

Ascom

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Você está usando um bloqueador de anúncios.
Quer falar a Redação? Comece aqui
Publicidade