ad16
GeralSaúde

“As pessoas não veem o alcoolismo como doença”, afirma psicóloga

A psicóloga do Centro de Atenção Psicossocial Álcool e Drogas, Suzy Elaine Marques, afirmou, em movimento contra o alcoolismo, que os usuários do álcool não se veem como dependentes e, por isso, não procuram acompanhamento profissional. Essa afirmação de Suzy Elaine foi feita durante a abordagem educativa na praça Josino Ferreira, neste quinta feira (1º).

“As pessoas não veem o alcoolismo como doença, e acham que todo evento social tem que ter bebida alcoólica como se fosse uma coisa natural”, observou a psicóloga.

Panfletagem CAPS AD- Foto: CCOM

O CAPS AD funciona há 11 anos em Picos, atualmente, no bairro Ipueiras, das 8 às 18 horas, e lá recebe usuários de drogas e do álcool para serem avaliados e acompanhados por psicólogas e demais profissionais. O centro já recebeu 952 pacientes, 138 estão ativos.

“Muitos, quando têm a alta, saem com a impressão de que já estão bons e não precisam mais serem monitorados, e essa segurança demais, faz com que tenham recaídas, e acabam voltando ao tratamento”, relatou a Maria do Amparo, coordenadora do CAPS AD.

Equipe CAPS AD- Foto: CCOM

Os interessados em fazerem o acompanhamento, podem procurar por o tratamento através da demanda espontânea com o auxílio da família ou encaminhado pelos serviços de saúde. Lá, o paciente será acolhido e avaliado por profissionais para ser tratados até chegarem a uma melhora e receberem alta.

CCOM

Tags
LER MATÉRIA COMPLETA

Leia Também