ad16
DestaquesGeralPolícia

Viúva é presa acusada de ter encomendado morte de Nondas

Nondas Feitosa - Foto: Arquivo Pessoal
Nondas Feitosa – Foto: Arquivo Pessoal

Por Maria Moura e Romário Mendes

Antônia de Sousa Andrade, viúva do empresário Epaminondas Coutinho Feitosa, morto a tiros na noite do último dia 8 de junho, foi presa acusada de ser a mandante da morte do próprio marido.

Antonia Sousa foi presa em casa por volta das 19h desta sexta-feira (5) e conduzida até a Delegacia Regional da Polícia Civil, onde prestou depoimento acompanhada por seu advogado, e em seguida foi encaminhada para o presídio feminino. No depoimento ela negou qualquer envolvimento com a morte Nondas Feitosa, como era mais conhecida a vítima.

A polícia chegou à empresária após a prisão dos executores de Epaminondas Feitosa na tarde de ontem. Segundo  o delegado Tales Gomes, que acompanha o caso, Rinaldo José  do Nascimento, o Teté, de 21 anos, e José Manoel do Santos Matos, o Santinho, de 33 anos, prestaram depoimento acompanhados pelo promotor de Justiça Cláudio Soeiro, e acusaram Antonia Andrade de ser a mandante do crime.

:::LEIA MAIS:::

Polícia apreende armas e moto usadas na execução de Nôndas Feitosa

Polícia prende suspeitos de assassinar Epaminondas Coutinho

A viúva foi interrogada pelo delegado Tales Gomes. Por volta das 21h30 ela foi levada para penitenciária feminina de Picos. Os motivos que levaram à morte de Epaminondas Feitosa ainda não foram divulgados pela polícia, que teme comprometer as investigações.

O mandado de prisão preventiva tem validade de 30 dias e foi expedido pela juíza titular da 5ª Vara da Comarca de Picos, Nilcimar Rodrigues de Araújo Carvalho.

O delegado ainda deve investigar se há intermediários envolvidos na morte do empresário.

Acusada ficará presa na penitenciária feminina
Acusada ficará presa na penitenciária feminina
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Você está usando um bloqueador de anúncios.
Quer falar a Redação? Comece aqui
Publicidade