ad16
GeralMunicípiosSantana do Piauí

Vice-prefeito Ricardo avalia positivamente gestão à frente da Prefeitura Municipal de Santana do Piauí

Ricardo José Gonçalves
Ricardo avalia período à frente da Prefeitura Municipal. Foto: Jailson Dias

Após quatro meses à frente da Prefeitura Municipal de Santana do Piauí, o vice-prefeito Ricardo José Gonçalves avalia positivamente o trabalho desenvolvido, agradece o apoio da população, dos funcionários da Prefeitura Municipal e da Câmara Municipal, além da confiança depositada pelo prefeito Valdenilson Dias Borges. Ele define o apoio do prefeito como decisivo para o sucesso da experiência.

Para o vice-prefeito administrar a Prefeitura foi um desafio devido o dinamismo da administração pública, com todas as adversidades de última hora que obrigam a mudanças de ação estratégias. “Nós enfrentamos várias adversidades, nos preparamos para realizar uma ação e ocorriam as eventualidades”, declarou.

Mesmo com as dificuldades financeiras ele informou que uma das metas era manter a “máquina funcionando” com o pagamento em dia dos salários dos funcionários e também dos fornecedores da Prefeitura Municipal. Ao final de 2011 todos receberam abono salarial e o esperado 13°.

Ricardo declarou que procurou dar continuidade às obras que já vinham sendo conduzidas, como a implantação de calçamento em ruas da zona urbana e da zona rural do município, além da reforma no cemitério do povoado Lagoa Seca. Também foi dada continuidade a convênios que objetivam refazer o sistema de abastecimento de água dos povoados Lagoa dos Marcelinos e Lagoa Seca, além do povoado Barro – esta última obra já está em andamento. “Valdenilson providenciou o convênio e nós providenciamos a licitação”, declarou.

Nesse período também ocorreu a licitação para a construção de uma Unidade Básica de Saúde, que será erguida no povoado Barro. Dentre os convênios firmados Ricardo cita mais alguns metros de calçamento que beneficiarão a Lagoa dos Marcelinos, Lagoa Seca e o Povoado Barro. Essas obras serão possíveis através dos recursos do PAC – Programa de Aceleração do Crescimento. Com a FUNASA foi firmando um convênio para perfuração de poços artesianos no Barro e Camarada.

“Essas são ações que Valdenilson já vinha lutando, mesmo não estando na ativa ele ficou articulando e viabilizando essas ações, tudo foi através dele”, declarou Ricardo. Nesse período ocorreram eventos importantes, o II Fórum Municipal da Educação, a audiência pública da Emenda de Iniciativa Popular e outra do Orçamento Participativo. “Na próxima semana deverá ter inicio o processo de restauração dentária, só falta montar o gabinete, já está lá, só falta instalar”, informou Ricardo.

Ricardo também comemora o andamento do projeto de Hortas Familiares desenvolvido através do Sebrae e da Prefeitura Municipal de Santana do Piauí. A Secretaria Municipal de Agricultura Meio Ambiente e Recursos Hídricos fornece o apoio logístico. As 10 famílias contempladas com o projeto já estão produzindo e comercializando hortaliças.

Quanto aos funcionários da Prefeitura Municipal, Ricardo afirmou ter mantido um bom relacionamento, destacando o empenho de todos os funcionários da administração pública no desenvolvimento de suas atividades. Os coordenadores da Secretaria de Educação participaram de uma capacitação no IMH-Instituto Monsenhor Hipólito e os alunos da Educação de Jovens e Adultos – EJA ganharam uma viagem ao final do ano de 2011.

Dois projetos importantes aprovados nesse período foram a Lei Geral das pequenas e médias empresas, e a Lei do Silêncio que disciplina o volume dos aparelhos de som automotivo nas vias públicas da cidade.

Depois desses quatro meses Ricardo agradeceu a oportunidade concedida pelo prefeito Valdenilson Dias Borges, oportunidade  que define como “única”. Ele ressalta o fato de que inicialmente deveria ter permanecido por dois meses à frente da Prefeitura, mas o período foi dobrado. “Isso me deixou lisonjeado e só aumentou a minha responsabilidade de estar continuando o serviço e uma ação que já era dele, de ter essa confiança de em um momento de crise, passar para outra pessoa, foi um teste à prova de fogo”, declarou.

“Os Secretários também foram peças fundamentais para que a administração continuasse. Valdenilson havia preparado esse momento para que tudo ocorresse com sucesso e êxito da forma como foi. Agradeço também a primeira-dama Maria José que me escutou muito e me ajudou a enfrentar os obstáculos”, finalizou.

 

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Você está usando um bloqueador de anúncios.
Quer falar a Redação? Comece aqui
Publicidade