ad16
DestaquesGeralTodas as Notícias

Coordenação de Juventude promove capacitação de deliveries em Picos; inscrições abertas!

As inscrições estão sendo realizadas na Coordenação da Juventude, Direitos Humanos e Diversidades.

A Prefeitura Municipal de Picos, através da Coordenação da Juventude e em parceria com a Secretaria de Trânsito, Transportes e Mobilidade Urbana, vai oferecer um curso de Capacitação para Deliveries totalmente gratuito. As inscrições iniciaram nesta quinta-feira, 28 de outubro e seguem até o dia 19 de novembro.

Aqueles que se interessarem pelo curso, devem procurar a Coordenação da Juventude, Direitos Humanos e Diversidades, para realizarem suas inscrições, a mesma fica localizada no Prédio do Centro Administrativo no Bairro Canto da Várzea, Rua Moacir Luz, n° 62. É necessário que se leve a seguinte documentação: xerox da CNH, Comprovante de endereço legível, Certidão negativa CNH (retirada no DETRAN) e Certidão de antecedentes criminais.

O Coordenador da Juventude de Picos, Matusalém Almeida, falou sobre a importância e funcionamento do curso. “Esse curso é em parceria com a Secretaria de Trânsito, logo após a aprovação da Câmara Municipal da Lei dos Deliverys, a Prefeitura de Picos, com autorização do Prefeito, Gil Paraibano, em parceria com o SEST SENAT vai fornecer um curso de capacitação para esses Deliverys. A Lei exige que eles tenham um curso de capacitação e no mínimo dois anos de habilitação, e essa é a forma que a gente tem de regularizar esses profissionais que são autônomos”, frisou o Coordenador.

Matusalém Almeida – Foto: Jaqueline Figueredo

Por fim, o Coordenador da Juventude, Matusalém Almeida, falou sobre a data de início do curso. “Logo após o fim das inscrições, a gente vai ver o número de pessoas que vão participar, o curso terá início no SEST SENAT onde vamos fornecer também coletes, ofertados pelo Trânsito, com numeração certa para cada Delivery, assim como temos para os mototaxistas. Dessa maneira a STTRAM ficará fazendo a vistoria quinzenal, verificando questões como adulteração de motos, canos e pneus, para que esses Deliverys possam trabalhar e a população possa ter acesso a esses profissionais autônomos de forma que eles estejam identificados, exercendo um trabalho de excelência”, finalizou o Coordenador.

Ccom PMP

Botão Voltar ao topo
Quer falar a Redação? Comece aqui

Adblock detectado

Você está usando um bloqueador de anúncios.
Publicidade