ad16
AutoPECASonline24.pt
https://ead.uninta.edu.br/
DestaquesGeralTodas as Notícias

Caso Chico Ramos:Esposa pode ser solta após acareação

[ad#336×280]O caso “Chico Ramos” toma agora um novo rumo nas investigações após a acareação realizada na última sexta-feira, 09. O processo colocou frente a frente a viúva, Antônia Consuelo Rodrigues, apontada como a mandante no assassinato que tirou a vida de seu esposo, Francisco Osvaldo Ramos da Silva, o Chico Ramos, no dia 31 de outubro de 2014, e seu suposto amante, Paulo Roberto.  O objetivo da acareação era checar algumas acusações feitas por Paulo Roberto em um depoimento anterior.

Estiveram presentes na acareação, o delegado do 3º Distrito Policial, Antônio Madson que acompanha o caso, além do advogado de Antônia Consuelo, Maycon Luz.

Antônia Consuelo Rodrigues Ramos - Foto: Reprodução/ Facebook
Antônia Consuelo Rodrigues Ramos – Foto: Reprodução/ Facebook

Advogado Maycon Luz - foto reprodução
Advogado Maycon Luz – foto reprodução

O advogado Maycon Luz, destaca que durante a acareação Paulo Roberto confessou ter mentido em seu depoimento ao afirmar que Antônia Consuelo seria a mandante do crime, supostamente motivada pelo interesse de ficar com todos os bens do casal.

“Durante a acareação o senhor Paulo Roberto confessou durante a autoridade policial que mentiu quando fez a acusação contra a senhora Antônia Consuelo. Disse claramente, chorando, que somente a incriminou com medo de sofrer represálias na penitenciária, porém, questionado de quem seriam as mesmas ele não quis se manifestar”, disse Maicon Luz.

Maycon Luz ainda acrescentou que Paulo Roberto foi “induzido” a mentir sob a promessa de ser transferido para o seu estado de origem, o Pernambuco. No entanto, preferiu não se manifestar sobre a autoria das mesmas.

Antônia Consuelo trouxe novas informações durante o processo, informando que seu esposo e Paulo Roberto haviam discutido anteriormente.

“O delegado tem mais duas linhas de investigação nas quais ele deve se aprofundar com o objetivo de elucidar o caso. Com base nessa acareação estarei entrando com o pedido de revogação de prisão temporária, pois não vislumbro mais a necessidade da prorrogação dessa prisão”, disse Maicon.

Paulo Roberto em sinal de arrependimento ainda enviou uma carta para Consuelo pedindo perdão pelas acusações. O mesmo será encaminhado à juíza Nilcimar Monteiro.

O depoimento

O delegado Antônio Madson em outra oportunidade esclareceu como transcorreu o depoimento de Paulo Roberto. O mesmofoi realizado perante a autoridade policial e ao representante do Ministério Público afirmou que ela teria sido a mandante do crime que tirou a vida do próprio marido.

“Segundo Paulo Roberto ela teria contratado dois indivíduos que vieram a matar seu esposo. A motivação segundo o depoente era que Consuelo ficasse com os bens já que eles estavam se separando e desfazendo-se de seus bens. Consuelo supostamente temendo ficar sem os bens teria encomendado a morte de Chico Ramos”, disse Antônio Madson.

Prisão

Antônia Consuelo Rodrigues está quase um mês presa na penitenciária Feminina de Picos. A mesma foi detida no dia 19 de dezembro na casa de familiares, no município de Pedra Branca, Ceará.

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Você está usando um bloqueador de anúncios.
Quer falar a Redação? Comece aqui
Publicidade